Comunicação organizacional: quais são os principais desafios?

A comunicação é uma premissa da sobrevivência humana. Levando isso em consideração, as organizações, para manterem-se ativas, também precisam obter êxito em seu processo comunicativo. Quais são os desafios enfrentados atualmente? Como superá-los? Refletimos um pouco sobre isso no texto de hoje.

A importância da comunicação organizacional


A comunicação é extremamente importante em nossa sociedade. Desde os primórdios, é um elemento básico de sobrevivência. Usamos esse relacionamento primário entre os seres humanos desde as tarefas mais simples até como fonte de reflexão. Isso significa que podemos nos expressar a fim de compreender melhor determinados conceitos e ações.

Isto posto, é válido reforçar que qualquer organização que vise manter sua competitividade precisa ter um bom processo comunicativo. A maneira pela qual as empresas se apresentam e se posicionam para seu público reflete diretamente em suas vendas. Em outras palavras, a comunicação organizacional reflete diretamente no faturamento, saúde financeira e sobrevivência das empresas.

 

Quais são os principais desafios da comunicação organizacional?

Nossa sociedade está extremamente complexa. Estamos vivenciando momentos com mudanças radicais de paradigmas e estamos sendo expostos aos mais distintos cenários. A revolução tecnológica fez com que mudássemos nosso comportamento e, consequentemente, nosso processo comunicativo. Estamos cercados de informação e cada vez mais exigentes.

Isso faz com que as organizações tenham que vislumbrar a comunicação de maneira mais abrangente. Traçar uma estratégia que vise apenas os objetivos mercadológicos da empresa, por exemplo, pode significar resultados bem negativos.

 

Como superar esses desafios?

É essencial entender a realidade multifacetada e traçar um plano de comunicação de maneira integrada. Os canais precisam estar interligados, com a mesma linguagem, comportamento homogêneo e trabalhando em conjunto.

Isso significa que, ao formatar a estratégia, será preciso levar em consideração todos os âmbitos da comunicação de maneira única. Em outras palavras, as comunicações institucional, mercadológica, interna e administrativa deverão estar totalmente alinhadas e vinculadas com os mesmos objetivos. Tal alinhamento pode ser feito, inclusive, nos moldes de rede, no qual a organização é feita em torno de uma meta e não de uma tarefa.

Além disso, é importante que os objetivos da empresa não visem única e exclusivamente o lucro organizacional, mas também busquem ajudar construir uma sociedade melhor e mais justa. Empresas-cidadãs, que saibam gerenciar sua comunicação com os diferentes públicos e que busquem construir uma boa identidade corporativa com a sociedade em geral, serão as sobreviventes em nossa atual sociedade.

Qual o perfil da empresa-cidadã?

O ponto crucial da empresa-cidadã é saber olhar para a sociedade e não apenas para o balanço organizacional. Tratam-se de organizações com grande capacidade de inovação e olhar sistêmico. Os profissionais que nelas atuam precisam saber lidar muito bem com ambiguidades e ter muita capacidade de aprender e reaprender.

Precisa de ajuda para obter uma comunicação mais estratégica, que busque a satisfação do consumidor e dos colaboradores, cumpra bem sua missão e mantenha os valores da sua empresa?
Fale conosco! Basta enviar um email para contato@entrelinhasmarketing.com.br

 

FONTE: Kunsch, Margarida M. Krohling. Gestão integrada da comunicação organizacional e os desafios da sociedade contemporânea. Revista Comunicação & Sociedade. Universidade Metodista. Disponível em: <https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/CSO/article/view/7914>. Acesso em 04.03.2020

Leave A Comment