Comunicação empresarial: o que é importante considerar?

Comunicação empresarial, o que significa esse termo? O que é importante que as organizações levem em consideração em relação a ele? Fizemos uma reflexão no texto de hoje.

O que é comunicação?

Para explicar melhor o conceito de comunicação empresarial é interessante voltarmos para o termo chave: comunicação. Por definição, é o ato de transmitir uma mensagem por meio de um canal.

Nesse sentido, temos diversos elementos que interferem nesse processo:
– emissor: aquele que emite o conteúdo
– receptor: quem recebe a informação
– mensagem: o que é transmitido pelo emissor
– canal: o meio pelo qual o conteúdo é transmitido

O contexto do emissor direciona a maneira pela qual ele transmite o conteúdo, assim como o histórico do receptor interfere em como ele interpreta a mensagem. A maneira pela qual a mensagem é transmitida (canal escrito, meio oral e etc.) influencia em sua compreensão e o tom da mensagem pode modificar o sentido do seu conteúdo.

Afinal, o que é comunicação empresarial?

Como foi possível notar – pela breve explicação da teoria da comunicação – cada elemento interfere e muito no conteúdo a ser transmitido. Por isso, a estratégia de comunicação deve ser muito bem planejada e isso fica ainda mais evidente no caso da comunicação empresarial. A empresa precisa estruturar muito bem como irá se comunicar com sua audiência e mercado. O termo pode parecer sinônimo de branding, mas – na verdade – ele está inserido no conceito de gestão de marca.

 

Como executar uma boa comunicação empresarial?

Pensando nas três dimensões da comunicação[1]– estética, ética e lógica – e procurando simplificá-las, é possível chegarmos nas seguintes dicas:

Em termos estéticos: o investimento estético (em embalagens, identidade visual das comunicações e etc.) ajuda a atrair e a engajar o público, bem como facilita o entendimento sobre o produto/serviço oferecido. Para quem tiver interesse em se aprofundar um pouco mais, falamos sobre isso no texto sobre Identidade Visual e em nosso vídeo sobre Psicologia das Cores.

Em termos éticos: pode parecer óbvio, mas é imprescindível que a empresa aja de acordo com as leis vigentes e esteja preocupada com as questões que afligem a sociedade como um todo. Não apenas em aspectos produtivos (contratações, compra de matéria prima e etc.), mas também usando suas atividades para auxiliar (de alguma forma) as questões sociais.

Em termos lógicos: a empresa precisa considerar como as pessoas pensam, como opera a linha de raciocínio do seu público. Isso influenciará diretamente na maneira pela qual a marca irá se posicionar, o tom de comunicação escolhido e etc.

Precisa de ajuda para traçar uma comunicação empresarial eficaz para sua marca? Fale conosco! Basta enviar um email para contato@entrelinhasmarketing.com.br

[1] Alinhado com o estudo feito por Clotilde Perez e Eneus Trindade em seu artigo. Fonte: PEREZ, Clotilde & TRINDADE, Eneus. Três dimensões para compreender as mediações comunicacionais do consumo na contemporaneidade. Revista MATRIZes. USP. V13 – nº3 set/dez 2019. São Paulo – Brasil.

Leave A Comment